Coluna um pouco de humor: O controvertido selo fiscal sobre a ótica do humor (charges, afinal rir é sempre bom!!)

 Sinceramente não tenho uma opinião fechada sobre a questão do selo fiscal e confesso que a cada dia fico mais tendente a me posicionar de forma contrária. Eu li, faz alguns dias, excelente matéria na revista ADEGA, nº 68, que afirma que o custo do selo é muito acima do valor unitário de 0,04 centavos de real por garrafa. Isso porque o uso do selo fiscal implicará, entre outras coisas, em medidas diversas de natureza burocrática, gerará despesas de manuseio, poderá afetar a necessária cadência célere no desembaraço aduaneiro e sujeitará os importadores a disponibilidade dos selos (já havendo notícia que a Casa da Moeda e a Receita Federal em alguns locais não estão conseguindo atender os importadores a contento). Quem tiver a revista, vale conferir e ver os bons argumentos contrários ao selo fiscal.

 Como se vê, o assunto é sério e merece reflexão. Contudo, isso não significa que devemos perder o humor, pois nessas horas uma boa risada ajuda a relaxar e até pensar melhor sobre o assunto. Por tal passo, com a ajuda do amigo Gilson Pimentel, seguem duas charges com personagem já famoso no mundo do vinho – GORDO da RAVIN – enfrentando o espinhoso tema. Vale conferir, pois afinal rir ó faz bem.

 Só para fechar (e para a alegria do GORDO): a exigência do selo foi alvo de ação judicial [mandado de segurança n° 0057324-16.2010.4.01.3400 impetrado pela ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS EXPORTADORES E IMPORTADORES DE ALIMENTOS E BEBIDAS (ABBA)], já tendo sido proferida sentença que afasta a exigência do selo fiscal pelo MM Juiz Federal HAMILTON DE SÁ DANTAS (21ª Vara da Seção Judiciária do Distrito Federal (Tribunal Regional Federal da Primeira Região), vide anexo: 20110720_503572340024521-07-2011 – Sentença. Será que o GORDO tem razão ?

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Dicas de Vinhos

2 Respostas para “Coluna um pouco de humor: O controvertido selo fiscal sobre a ótica do humor (charges, afinal rir é sempre bom!!)

  1. Mazzei, sou totalmente contra o Selo Fiscal. Além de todas as questões abordadas, tem muito mais, como a informação que o selo fiscal está em falta por falta de pagamento do governo a fornecedores, e assim as importadores tem que arcar com custo diário a mais de armazenamento, assim logicamente aumentado seu custo.
    No brasil é assim, o governo quer tudo certo para o seu lado, sobrando dinheiro para os seu “objetivos” e nos oferece de contra partida um serviço medonho!!!

    Abs e saúde

    • Amigo Silvestre, eu concordo com o que vc disse. Eu só não estudei mais a fundo a situação legal, por isso que eu não me posicionei com convicção ainda (coisa de advogado, que quer saber os fundamentos legais). Mas achei a sentença (que segue no post como anexo) simples e muito lúcida (como as decisões judiciais deveriam ser). Espero que o Tribunal a mantenha. Abraços e viva a moqueca!!
      Mazzei

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s